Tocantins, 28 de May de 2024 - Mira Jornal - 00:00

Estado

TRE-TO realizou mais de 215 mil atendimentos eleitorais em dois anos

13/05/2024 07h52

Atualização do balanço ocorre após fechamento do cadastro, em 8 de maio.

De 2022 até o fechamento do cadastro eleitoral, que aconteceu na última quarta-feira, 8 de maio de 2024, o Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO) realizou 215.774 atendimentos em todas as 33 zonas eleitorais do estado.


Atualização do balanço ocorre após fechamento do cadastro. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deu abertura ao Cadastro Eleitoral em novembro de 2022, conforme calendário eleitoral. Desde essa data, até dezembro de 2023, em todo o estado tocantinense foram realizados 81.920 atendimentos, sendo 30.376 transferências; 26.669 emissões do 1º título de eleitor; 23.786 revisões; e 1.089 emissões de 2ª via do título.

No Tocantins, 1.161.573 eleitores estão aptos a irem às urnas eletrônicas no pleito eleitoral em outubro e escolherem seus representantes para os cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador.

Atendimentos intensificados em 2024

Somente em 2024, de janeiro a maio, o TRE-TO efetivou 133.730 atendimentos, sendo a maioria dos requerimentos as transferências, com 62.153 registros; seguido de emissão de título de eleitor, que contabilizou 38.770; e 32.807 revisões.

Para ampliar os atendimentos, já na reta final para o fechamento do cadastro eleitoral, em 8 de maio, a Justiça Eleitoral tocantinense também atuou em regime de plantão no feriado de 1º de maio, Dia do Trabalhador, e no fim de semana, dias 4 e 5. Essas medidas cumpriram uma determinação do presidente do TRE-TO, desembargador João Rigo Guimarães, para que o maior número de eleitores pudessem participar das eleições.

Outro exemplo de iniciativa foram os diversos atendimentos itinerantes realizados nos municípios do Tocantins, a criação do Ponto de Atendimento na região sul de Palmas, no bairro Aureny III, e o reforço com os canais de atendimentos virtuais. Essas ações visaram ampliar o acesso do cidadão aos serviços do TRE-TO.

Além disso, também foi intensificada a divulgação das informações nas redes sociais e nos veículos de comunicação.

Serviços interrompidos

De acordo com o TSE, a Lei das Eleições(Lei nº 9.504/1997) determina que nenhum requerimento de inscrição eleitoral ou de transferência de domicílio seja recebido nos 150 dias anteriores à data da votação. O primeiro turno das Eleições 2024 ocorre em 6 de outubro.

Portanto, até o dia 5 de novembro, os serviços prestados pela Justiça Eleitoral, seja na modalidade presencial ou nas plataformas virtuais, Central de Atendimento Virtual ao Eleitor (Cave) eAutoatendimento serão interrompidos, sendo retomados somente após o término das Eleições Municipais 2024.

Durante esse período, o eleitor não poderá: tirar o título de eleitor; coletar a biometria; transferir o domicílio eleitoral; regularizar a situação eleitoral; e atualizar os dados no cadastro eleitoral. Ou seja, quem perdeu o prazo de alistamento não poderá votar nas eleições de outubro.
Rozeane Feitosa (Ascom/TRE-TO), com informações do TSE.

   

Comentários (0)

  • Nenhum comentário publicado. Clique aqui para comentar.

Mais vídeosVideo Mira

Comente

  • deu na imprensa
    10/05/24 09h47
    A Constituição Estadual ganha um novo artigo: o 122-A, ratificando o dever do Estado para com as políticas públicas...
  • deu na imprensa
    09/05/24 15h16
    A necessidade de regulamentar a eleição da Mesa Diretora para o segundo biênio surge devido à suspensão, pelo...
  • deu na imprensa
    13/04/24 10h30
    A Executiva do PT de Palmas aprovou em plenária a formação de um bloco político junto com a prefeita Cinthia Ribeiro...
VER TODOS OS COMENTÁRIOS

Galeria de Eventos

Jornal Impresso

Em Breve
2010 c Mira Jornal. Todos os direitos reservados.